Qual a postura deve ser adotada em uma audiência?

Tempo de leitura: 3 minutos

A postura correta de um advogado em uma audiência é de extrema importância para a defesa de seu cliente. Bom, quanto a isso não restam dúvidas, todavia, você sabe realmente como se portar em uma sala de audiências?

Esse artigo tem o propósito de fornecer algumas informações sobre uma postura adequada em audiências, principalmente para os advogados em início de carreira e para aqueles que estão mais acostumados tão somente em peticionar em seus escritórios “silenciosos” e sentem dificuldades quanto a dicção e oratória. Vejamos:

PONTUALIDADE

Conforme elucidado no tópico anterior é muito importante chegar com antecedência em uma audiência a fim de orientar seus clientes, ou seja, ser pontual quanto aos deveres que a sua profissão exige.

Não é crível imaginar um advogado atrasar-se para uma audiência sem qualquer explicação admissível. Muito embora a realidade vivida nos fóruns demonstre que dificilmente uma audiência será realizada no horário marcado, em virtude de acontecimentos no decorrer de cada audiência que acaba gerando uma reação em cadeia de atrasos é necessário chegar antes do horário agendado.

Na prática, apenas a primeira audiência respeita a pontualidade do horário marcado, contudo, se a sua audiência for a quinta ou sexta da tarde, por exemplo, não use da sua experiência e esperteza em saber que ela começará muito além do horário informado. Compareça antes e procure passar tranquilidade para os seus clientes e as respectivas testemunhas, uma vez que para eles essa audiência pode ser a primeira em toda a vida e o nervosismo estará escancarado, podendo até prejudicar os depoimentos e testemunhos pretendidos.

FIRMEZA

A verdade é que o advogado deve ter firmeza nas suas atitudes e posicionamentos em audiência, a fim de possibilitar uma boa defesa ao seu cliente e para passar a confiança necessária para o mesmo, principalmente em um momento de alegações mais fervorosas pela parte adversa, devendo realizar todas as intervenções necessárias.

Na audiência os fatos controvertidos serão escancarados por ambas as partes, pelo juiz e pela promotoria, quando esta se fizer presente. É um momento processual de vital importância para o restante do processo, devendo o advogado realizar tudo o que for possível, dentro dos limites estabelecidos em lei, para convencer o juiz a fim de uma sentença favorável.

RESPEITO E EDUCAÇÃO

Trate a parte adversa, bem como as testemunhas e o seu colega advogado com o mesmo respeito e educação que você irá utilizar com o magistrado e o promotor, afinal de contas eles não são seus inimigos.

Além disso, o advogado não pode sentir ou trazer para si a mágoa ou outras emoções vividas pelo seu cliente em virtude da lide em discussão, pois se assim for, provavelmente esse advogado utilizará expressões de baixo calão e ficará muito ofensivo/agressivo com a outra parte, o que com certeza renderá intervenções do magistrado nada agradáveis para ele.

ATA DE AUDIÊNCIA

Por derradeiro, preste atenção ao que estiver na ata de audiência e aos acontecimentos ali relatados, haja vista que será ela que conduzirá o recurso fundado na audiência.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *