INSS

Entenda como funciona as legislações estaduais do ICMS

Entenda como funciona as legislações estaduais do ICMS

3 minutos O ICMS – Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços é um tributo estadual. Sua legislação varia de Estado para Estado. O fato gerador do ICMS é a circulação de mercadorias e serviços pelo território nacional, sendo apurado mensalmente e recolhido em uma data específica, determinada através do Código Nacional de Atividade Econômica, o CNAE, de cada empresa e as alíquotas podem variar de 7% a 25%, dependendo do produto ou serviço que está circulando e do tipo de operação praticada, Continue lendo

FGTS inativo: a liberação do dinheiro já começou

FGTS inativo: a liberação do dinheiro já começou

5 minutos A Caixa Econômica Federal já liberou a transferência do dinheiro das contas inativas do FGTS para quem está no calendário de pagamentos do mês de março, ou seja, as pessoas que fazem aniversário em janeiro e fevereiro. Os valores foram debitados da conta do FGTS e transferidos para o sistema bancário da Caixa, permitindo que a liberação para os empregados siga o calendário de saques estabelecido pelo governo federal. Para essa primeira liberação, a Caixa Econômica debitou o saldo de contas inativas Continue lendo

O que é a “desaposentação”?

O que é a “desaposentação”?

2 minutos A chamada “desaposentação” tem o objetivo de garantir a quem já se aposentou, mas, que seguiu trabalhando ou ainda trabalha e, consequentemente, paga a sua contribuição para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), uma nova avaliação no valor de seu benefício. Para conseguir essa revisão era preciso abrir mão do atual beneficio e se aposentar de novo, possibilitando o novo cálculo do valor com a adição do tempo em que seguiu pagando a sua contribuição para a Previdência Social. Desta maneira, Continue lendo

Aposentadoria para autônomos: quais as diferenças?

Aposentadoria para autônomos: quais as diferenças?

2 minutos Uma das saídas que o desempregado encontra para continuar contribuindo com o INSS e garantir sua aposentadoria nos prazos limites estabelecidos pela Previdência Social é contribuir como autônomo. Ao contribuir como autônomo, contudo, é necessário que o recolhimento não seja esquecido em qualquer mês. Basta se inscrever no INSS como contribuinte individual e fazer o recolhimento das contribuições nos períodos em que o trabalhador não tiver carteira assinada. Como contribuir para o INSS como autônomo Um trabalhador autônomo tem duas formas de Continue lendo

Chegou a hora de pedir aposentadoria. O que devo fazer?

Chegou a hora de pedir aposentadoria. O que devo fazer?

2 minutos Na hora de pedir a aposentadoria junto ao INSS, o contribuinte deve cumprir uma série de exigências, que exigem todo o cuidado e atenção. Veja, a seguir, como você pode cumprir essa maratona: 1. Conferir os dados do CNIS e as contribuições O CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais é fornecido pelo INSS, devendo ser conferidas por meio dele todas as contribuições efetivamente recolhidas. No caso de haver diversos empregos, é preciso verificar se todos constam no documento e se o valor Continue lendo