Como abrir meu primeiro escritório de advocacia

Tempo de leitura: 4 minutos

Após a formatura no curso de Direito e principalmente após a obtenção da carteirinha da OAB as dúvidas sobre o futuro profissional são intensas, estando de um lado a carreira pública e, portanto, opção pelos concursos públicos, e de outro, o desejo em ter o seu próprio escritório de advocacia.

Obviamente que qualquer das opções irá requerer muito esforço do profissional para vencer a grande concorrência, haja vista que a preparação necessária para a aprovação em qualquer concurso público requer um período de tempo considerável, bem como a estabilidade do seu escritório de advocacia e os primeiros rendimentos financeiros.

Logo, se a sua escolha for o seu próprio escritório de advocacia esse artigo será de grande valia, uma vez que ele traz para você alguns cuidados necessários que necessitam de atenção antes da abertura do escritório, a fim de auxiliá-lo a alcançar o sucesso na profissão de advogado.

Autônomo ou Sociedade de Advogados?

A vida prática demonstra que os primeiros anos de advocacia são muito difíceis no que concerne ao retorno financeiro. Frente a isso o ideal é você junto com outra(s) pessoa(s) de sua confiança abrir uma sociedade de advogados.

Porém, cuidado!

O aconselhável é uma sociedade envolvendo duas pessoas, três pessoas no máximo. Todavia, seus sócios têm de ser de extrema confiança sua, amigos, colegas ou conhecidos de longa data, para que a sociedade seja duradoura.

Ora, você deve ter em mente que essa sociedade é como um “casamento”. Se você não conhece realmente as pessoas com quem vai abrir seu negócio, as quais passarão todos os dias trabalhando com você em busca de um sonho que é o sucesso na advocacia, provavelmente o resultado não seja satisfatório.

Além disso, a sociedade de advogados possibilitará uma divisão de custos, divisão de trabalho e uma complementação de conhecimento em diversas áreas, o que só tem a fortalecer o seu escritório e fazer o mesmo ganhar fama e reconhecimento perante a sociedade.

Foco nas áreas de atuação

Em virtude da dificuldade financeira inicial e pela necessidade de ganho de mercado rápido, o advogado provavelmente irá procurar se dedicar a todas as áreas da advocacia simultaneamente para um ganho célere de clientela.

Contudo, se o advogado não tiver anteriormente um plano bem definido encontrará enormes dificuldades para trabalhar em diversas áreas ao mesmo tempo.

Por isso, frisa-se, é importante uma sociedade de advogados onde não haverá tão somente a divisão dos custos, mas sim, uma complementação de conhecimento e uma maior especialização do seu escritório de advocacia.

Na realidade você deve ter previamente definida as áreas com maior foco de sua atuação. Assim, a especialização será mais rápida e satisfatória, podendo fornecer um serviço extremamente eficiente para seu cliente, culminando em uma maior carteira de clientes, fator esse essencial para a manutenção do seu negócio nos primeiros anos de profissão e para o sucesso do seu escritório.

Localização do seu escritório

Frente a enorme concorrência no mercado jurídico, mostra-se de vital importância ter o escritório de advocacia muito bem localizado. Logicamente que quanto melhor o “ponto”, mais caro será o aluguel, tornando-se um grande empecilho, afinal, os retornos financeiros são próximos de zero nos primeiros meses e até anos de advocacia.

Porém, é literalmente o preço que se paga para “captar” um grande número de clientes em um menor período de tempo. Na realidade o importante é abrir seu escritório em um local de grande movimentação de pessoas e principalmente de fácil acesso para elas, do contrário, a dúvida de um cliente seu quanto a um direito que possa ter, provavelmente será superada pela preguiça e assim você perderá um cliente que pode lhe render inúmeras ações no decorrer de sua carreira profissional.

Pense nisso, é muito importante!

A importância de um Contador competente

Sim, o advogado deve ter um contador de confiança para que o seu negócio não lhe traga enormes dores de cabeça. São extremamente necessários os serviços de um escritório de contabilidade para auxiliá-lo, principalmente, no momento de realizar a abertura legal da sociedade, abrir a sua empresa e registrar o CNPJ, encontrar o regime tributário mais apropriado e realizar o balanço anual da sua sociedade.

Procure atentamente por um bom profissional da área da contabilidade, da mesma forma que seu cliente procurou você para lhe confiar à defesa de seus direitos. Através da credibilidade, do bom nome e da confiança. Dessa forma você evitará dores de cabeça e incômodos desnecessários e poderá dedicar-se ainda mais para a solução das lides envolvendo seus clientes.

Sucesso com o seu escritório e até o próximo artigo!

1 Comentário


  1. Muito bom , gostaria de receber mais informação sobre sociedade .

    Responder

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *