Especialidades de advogados que estão sendo mais procuradas

Por | 2018-03-16T13:02:44+00:00 2 de março de 2018|

A tendência para 2018 nas especialidades de advogados mais procuradas deve seguir o mesmo estilo de 2017, apostando na área penal. Nesta área, os advogados podem atuar em parceria direta com outras áreas, como o Direito Tributário, Direito Ambiental, Direito Trabalhista, entre outros.

O Direito Empresarial também está em alta, acompanhando o mercado de fusões e aquisições. Trata-se de um mercado em constante mudança e os profissionais do Direito que pretendem ser mais competitivos devem apostar nessa área.

A seguir, você vai conhecer as seis principais áreas do Direito que oferecem melhores oportunidades:

Direito trabalhista

Não apenas em 2018, mas também nos próximos anos, o Direito Trabalhista é uma área que terá aumento da demanda, principalmente, depois da reforma trabalhista. Há ainda muitas dúvidas com relação às alterações e a especialização nessa área poderá render excelentes resultados.

Direito Tributário

A especialização em Direito Tributário vem atraindo cada vez mais advogados, já que se trata de uma das áreas que oferecem melhor remuneração. As empresas necessitam de um bom planejamento tributário e a escolha do melhor regime para manter a legalidade, o que exige também profissionais capacitados.

Compliance

As pesquisas revelam que, pelo menos, seis em cada dez brasileiros consideram que o maior problema de nosso país é a corrupção. Os casos de corrupção revelados nos últimos anos em todas as esferas governamentais e com o envolvimento de grandes empresas, leva as instituições privadas a dar mais atenção a questões como ética corporativa.

Diante desse cenário, o compliance e a ética passaram a ser uma das áreas do Direito mais procuradas pelas empresas, levando os advogados a se especializar, uma vez que se torna cada vez mais necessário adequar as políticas internas e as relações comerciais à legislação vigente, não apenas no Brasil, como também em outros países.

O advogado que optar por essa área do Direito deve se preparar para oferecer soluções para conflitos que envolvam as políticas internas e a conduta ética das empresas.

Setor de energia

O setor de energia é um dos mais promissores para advogados nos próximos anos. O potencial de crescimento da área pode ser destacado com a exploração de petróleo e as privatizações das empresas de energia elétrica, além de outros sistemas de geração de energia alternativos. A procura de profissionais que possam prestar consultoria e apoio em demandas contenciosas ou consultivas vem aumentando sensivelmente.

Tecnologia e inovação

A tecnologia e a inovação vêm exigindo o desenvolvimento de novas empresas, como ocorre com as startups, que, de forma geral, exigem muito investimento e, dessa forma, também precisam de advogados para atuar tanto na criação das mesmas como na consultoria legal.

O mercado das startups exige agilidade para a tomada de decisões e todos os cuidados com relação aos riscos. Ao advogado, cabe a necessidade de manter o cliente atualizado com relação à minimização de possíveis danos e de manter-se dentro da legalidade, evitando possíveis processos judiciais e oferecendo condições de gerar lucro.

Direito Ambiental

Todos as áreas da sociedade se voltaram, nos últimos tempos, para o conceito de sustentabilidade. Ao mesmo tempo em que vivemos num mundo onde o consumo é incentivado, também vemos iniciativas para colocar limites, mantendo o meio ambiente adequado para a sobrevivência da humanidade.

O conceito de sustentabilidade é algo que vai exigir cada vez mais das empresas e, consequentemente, dos advogados. O Direito Ambiental é uma área que exige conhecimentos mais aprofundados de outras áreas, como Direito Empresarial e Direito Internacional, entre outros, para oferecer o suporte necessário aos empresários.

Você se atrai por alguma dessas área? Conte para nós!