As principais reclamações de consumidores no Brasil

Tempo de leitura: 2 minutos

Entre as principais reclamações dos consumidores no Brasil, sem dúvida alguma, estão aquelas relacionadas com as empresas de telefonia. No ano de 2015, o Procon, em todas as suas unidades do país, recebeu 2,64 milhões de pessoas com os mais diversos tipos de reclamações, e entre todas elas, pelo menos 65% foram voltadas a assuntos relacionados com as empresas de telefonia.

Dentre as reclamações recebidas pelo Procon, 13,4% foram relacionadas às empresas de telefonia celular e 9,5% com empresas de telefonia fixa.

A média mensal de consumidores atendidos no Procon durante o ano de 2015 foi de 220 mil consumidores, com grande maioria indo fazer algum tipo de reclamação, embora uma pequena parte tenha ido atrás de algum tipo de informação ou de consulta.

No segundo lugar no ranking das principais reclamações dos consumidores brasileiros estão o cartão de crédito, com 7,3%, vindo as empresas de TV por assinatura em terceiro, com 6,9%, e os bancos comerciais, que atingiram 5,7% das reclamações.

A maior parte das reclamações atendidas pelo Procon são relacionadas a problemas de cobrança, num total de 39,2%, seguidos de contratos, com 17,3% e, finalmente, com a má qualidade dos produtos ou dos serviços, índice que atingiu 15,9%.

Empresas que mais foram reclamadas no Procon

O ranking das empresas apresenta principalmente o nível de preocupação das empresas com os consumidores ou usuários. As empresas que mais foram reclamadas no Procon são lideradas pela Claro, pela Embratel e pela NET, no setor de telecomunicações.

Com relação aos bancos, o Itaú e o Unibanco lideram a lista e, nas casas comerciais de varejo, estão, pela ordem, o Ponto Frio, as Casas Bahia, o Extra e o Pão de Açúcar. A Samsung é a primeira entre as indústrias que mais tiveram reclamações, enquanto que a Eletropaulo lidera nos serviços de concessão de energia.

A saúde suplementar tem na Qualicorp o maior número de reclamações, enquanto, entre as companhias aéreas, a TAM lidera o ranking.

Ao considerarmos empresas, independente de setor, as que mais foram alvo de reclamações é o grupo formado pela Claro, Embratel e Net, com 204.145 reclamações, seguidas pela Oi, com 200.659, pelo grupo da Vivo, Telefônica e GVT, com 165.048, o Banco Itaú, com 92.934 e, finalmente, a SKY, com 89.273.

Precisa de apoio jurídico? Conheça o Advogado Online, serviço do Jurídico Certo para facilitar a sua vida na busca por um profissional qualificado.

16 Comentários


  1. Boa tarde!!
    Durante anos sofre agressoes do meu ex marido q por varias vezes era intimado e nao comparecia, mesmo assim o delegado pediu perante o Minesterio Publico uma medida protetiva que apos um ano foi consedida pelo Juiz, que gracas a Deus pude tirar meu ex marido da minha casa mais ele continuou com as ameacas e eu procurei a justica mais nada foi feito e ele acabou levando meu filho de apenas 3 anos. Hoje faz mais de de um ano e eu n posso ver meu filho e durante todo esse tempo procurei meios perante a justica mais em todos os lugares falam q pai n sequestra filho estou deseperada pq meu ex marido e dependente quimico e meu filho sofre maos tratos, e agora o q devo faser??

    Responder

    1. Daiana, bom dia!

      Lamentamos os ocorridos.Por favor,acesse a página Para Cidadãos, e preencha os campos solicitados no fomulário Envie seu caso. A mensagem será direcionada aos advogados cadastrados no Jurídico Certo. Você receberá mensagens de profissionais interessados em atender seu caso.

      Obrigado.
      Jurídico Certo

      Responder

  2. Posso fazer uma consulta sobre valores da Sul América se eu passar valores vcs examinam se está correto ?

    Responder

  3. Boa tarde, estou com um processo trabalhista no TRT15, trânsito em julgado desde 2.014, porém, esgotados os recursos estou aguardando o Alvará para liberação dos valores que já estão depositados no fórum para serem repassados para mim. Este alvará é tão demorado assim mesmo???? Esta é minha pergunta. Obrigado. Abraçoooo…

    Responder

  4. Boa Tarde gostaria de um informação não fui notificada que teria que renovar a antt antecipado ou seja a minha antt vence no ano de 2019 e paguei por isso agora eles querem que eu pague novamente porque anteciparam só fiquei sabendo que minha antt estava cancelada porque fui fazer uma entrevista numa transportadora e lá eles puxaram para ver se estava tudo ok e me informaram que está cancelada Fiquei sem a oportunidade do emprego e agora não sei o que faço. Gostaria de informação quanto a este caso desde já agradeço.

    Responder

  5. As empresas fazem o que querem por quê depois as multas são perdoadas pelo governo. Mesmo quando exitem leis elas não são cumpridas e a impunidade se perpetua. E o que vai ser feito? Mais leis pra que as que já existem sejam cumpridas!?

    Responder

  6. Boa dia, fico satisfeito em recceber estas informações são realmente preciosas e vcs do juríco certo são muito competentes, agradeço. Em tempo gostaria de saber se tenho como exigir que a Ricardo Eletro libera uma senha pra mim, devido eu ter esquecido minha senha e não consigo realizar compras pelo site. Já tentei várias vezes está liberação, mas eles não tem nehuma consideração com os clientes e dar retorno, tive por duas vezes ter que realizar minhas compras pelo televendas expliquei tudo ao vendedor ele me disse que iria resolver o problema e não resolveu nada , porque não é do intereçe deles porque são vendedores do televendas a compra realizada no site não interessa a eles. Por favor ver o que pode ser feito.

    Responder

  7. Penso que a grande quantidade de reclamações, acontecem por causa da falta de punições com a devida rapidez e eficácia aos infratores

    Responder

  8. fiz uma compra pela internet apos ver propagansa em uma emissora de tv.efetuei pagamento porem n recebir o produto realizei varias reclamacoes porem a empresa n me envia a compra nem devolve meu dinheiro.

    Responder

  9. O que vejo de mais grave nessa relação de consumidor e empresas, são os juízes que ainda não entenderam que o ressarcimento do mal exercido pelas empresas em cima do consumidor, não vai fazê-lo rico, acho muita hipocrisía dizer que o valor está acima da proposição, como se o mal que eles nos fazem fosse pequeno, e ainda as decisões de sentenças são covardemente educativas, e nunca punitivas, por isso temos 20 anos de código do consumidor sem nada mudar na relação, e o que me espantou neste texto foi a falta da empresa campeã de reclamação a Oi, tirá-la desse ranking é injusto, e me parece criminoso. Todavia, ninguém mais pode brigar contra a Oi porque ela está em processo judicial, e foi abortado qualquer processo, inclusive suas contas estão bloqueadas mas para quem ela deve, porém ela continua cobrando injustamente por um serviço que presta muito mal, ou nem presta. A Anatel acabou de dar aumento para as operadoras, dentro de uma crise vergonhosa, mas a anatel pode tudo, e o que mais faz é inverter essa sua relação, ao invés de proteger os usuários, protege as empresas quw causam tanto mal a sociedade. Pelo fim da hipocrisia na justiça, e pelo fim imediato da Anatel, e que sejam presos todos da anatel que vão almoçar em restaurantes caros com os donos das empresas, negociando sabesse lá o quê…

    Responder

    1. Oi tudo bem? Tenho algumas dúvidas quero saber se deficientes físicos que recebem pensão alimentícia pode causar sem perder esse benefício?

      Responder

  10. Boa tarde!
    Essas informações são ótimas a gente ficar por dentro, se algo acontecer, estarei pronto a reclamação.
    Obrigado!

    Responder

  11. Estou precisando de uma consultoria pois estou com problemas com uma operadora quero cancelar e não consigo

    Responder

  12. eu tenho problema com a vivo celular as vez nem faco e nem recebo ligação e nem internet pega agora espero resolver através de vocês muito obrigado e bom dia

    Responder

  13. Boa tarde senhores (Jurídico Certo),

    Primeiramente queria dizer que fico satisfeito e costumo ler os artigos dos mais variados temas que recebo em meu e-mail.
    Gostaria de deixar a sugestão para que fosse inserido o opção para impressão, visto que costumo gravar em pdf. para posterior pesquisa interna e até mesmo utilização de informações em petições.

    Att., Sheine Araújo – OAB/GO 31.396

    Responder

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *