5 vantagens de trabalhar na correspondência jurídica para quem já é advogado

Por | 2018-03-14T20:42:51+00:00 17 de outubro de 2016|

A correspondência jurídica é uma atividade onde um profissional presta serviços a outro profissional/escritório de advocacia, localizado em diferente comarca, atendendo as necessidades de andamento de processos que, de outra forma, trariam complicações para o contratante de serviços.

Hoje a correspondência jurídica é uma atividade bastante comum, tanto nas comarcas onde os escritórios estão localizados, quanto no entorno ou em outras cidades e Estados.

Trata-se de uma atividade direcionada a advogados autônomos, escritórios de advocacia e até mesmo estudantes de Direito, com serviços que vão desde simples demandas individuais a processos mais exigentes. Através da correspondência jurídica é possível a um escritório atender com eficiência e qualidade seus clientes de outra comarca, de outras cidades ou até mesmo de outros Estados.

Acompanhe as vantagens de trabalhar na correspondência jurídica para quem já é advogado formado e com registro na OAB:

1. Contatos

O aumento considerável na abrangência da atuação profissional local, regional e nacional traz como consequência para o advogado o aumento de conhecimentos e de novos contatos para sua carteira de clientes.

2. Rentabilidade

Como contratado na correspondência jurídica, o advogado consegue aumentar a rentabilidade de seu escritório, possibilitando dar conta de todas as despesas, com maior lucratividade.

3. Melhor planejamento

A necessidade de atendimento dos serviços de correspondência jurídica traz ao advogado a necessidade de maior organização, com melhor planejamento das atividades e, em consequência, maior credibilidade para sua atividade.

LEIA MAIS:

É possível conciliar correspondência jurídica com um escritório próprio?

É possível viver apenas da correspondência jurídica?

Como a correspondência jurídica pode se tornar seu primeiro emprego

4. Melhor apresentação

Diante das necessidades de controle e planejamento, com o aporte de rendimentos da correspondência jurídica, o advogado consegue melhor apresentação para o seu escritório, que, assim, poderá progredir com maior rapidez.

5. Aumento da produção

Com o aumento de atividades para o escritório, o advogado contratado terá aumento em sua produção, exigindo de si próprio maior conhecimento das áreas em que está trabalhando e possibilitando o crescimento de seu quadro de pessoal, tornando seu próprio escritório mais destacado entre os concorrentes.

O trabalho exercido na correspondência jurídica só traz vantagens para o advogado contratado, seja pela exigência no aprimoramento de seus conhecimentos, seja para o desenvolvimento do seu próprio escritório. Diante da concorrência acirrada, trabalhar como correspondente jurídico faz do advogado um profissional mais conceituado e mais propenso a vencer em sua carreira.