7 dicas infalíveis para gestão financeira de advogados

Por | 2018-04-16T17:29:46+00:00 16 de abril de 2018|

A gestão financeira de um escritório de advocacia deve ser feita como é feita a contabilidade de qualquer empresa. Somente pelo controle o advogado pode analisar o fluxo de entradas e saídas financeiras, facilitando em tomadas de decisão como “em que investir” e/ou “em que economizar”.

Neste post, procuramos compilar algumas dicas para a gestão financeira de seu escritório. Se aplicá-las da forma correta, evitará alguns problemas financeiros em sua vida profissional:

1.    Invista em conhecimento

Na faculdade de Direito você não vai aprender sobre gestão financeira. Portanto, procure conhecer mais sobre economia e contabilidade, lembrando que, mais do que somente cuidar de dinheiro, a economia ensina hábitos e comportamentos que podem ser utilizados em sua vida diária. Além disso, a internet oferece inúmeros cursos gratuitos sobre contabilidade e administração, que valem a pena ser acompanhados, e de softwares gratuitos que você pode usar para praticar.

2.    Tenha um plano financeiro mensal

Faça como na contabilidade normal: divida o ano em meses e trace metas mensais, criando estratégias para cumpri-las. Mas, lembre-se: um plano de ação não é apenas definindo valores, mas sim encontrando meios para que possa reduzir custos e aplicar o que sobrar em coisas importantes. Dessa forma, você poderá incluir no seu planejamento mensal algumas medidas de prevenção, evitando ficar sem dinheiro no final do período.

3.    Separe as finanças pessoais de profissionais

Mesmo que você trabalhe sozinho em seu escritório, não misture suas finanças pessoais com as profissionais. Separe tudo o que é do escritório e retire apenas o que seja suficiente para seus gastos pessoais. Tenha contas bancárias separadas para os custos do escritório e mantenha sua contabilidade em dia, com um fluxo de caixa adequado e com uma previsão de custos dentro daquilo que você realmente pode realizar.

4.    Mantenha o controle diário de sua gestão financeira

Registre tudo o que entrar e sair do caixa no escritório para que a conta possa fechar no fim de cada mês. Essa é uma regra básica para o fluxo de caixa. Mesmo que tenha pouco movimento, feche o caixa todos os dias, registrando cada centavo e mantenha todas as informações atualizadas para que possa ter um balanço mensal correto. Não se esqueça de que, se houver erros nos lançamentos contábeis, você poderá ter surpresas desagradáveis na hora de pagar as contas.

5.    Use um software de gestão financeira

O mercado oferece diversos softwares de gestão financeira, com aplicativos para facilitar a rotina contábil e para organizar de forma automática o fluxo de caixa, gerando relatórios. Você poderá encontrar ainda softwares que reúnem funcionalidades para administração e gerenciamento dos processos com que esteja trabalhando, reunindo num mesmo programa todas as atividades do escritório.

6.    Faça um planejamento do futuro financeiro

Não basta apenas gerenciar diariamente as entradas e saídas de dinheiro do escritório. É necessário também pensar no seu próprio futuro. Assim, a cada mês, separe algum valor para ser investido em planos para o futuro seu e do seu escritório. Procure saber quais são as opções do mercado financeiro, analise as melhores taxas e aplique o que sobrar a cada mês para conseguir um bom retorno. Se não conhece investimentos, estude sobre o assunto e procure algum profissional se tiver qualquer dúvida. O investimento feito, além de ser uma fonte de rende alternativa, também vai servir para qualquer eventualidade, ou para cobrir despesas inesperadas.

7.    Não desperdice

Tome todas as medidas para reduzir custos e para manter a gestão financeira do seu escritório em dia. Analise o que está sendo usado e evite qualquer desperdício. Muitas vezes, são pequenas coisas que levam o dinheiro pelo ralo. Se você tomar todos os cuidados diários com sua gestão financeira, em pouco tempo irá criar o hábito de manter os registros em dia, sem ter qualquer preocupação com as finanças.