7 dicas para advogados que trabalham no contencioso de massa

Tempo de leitura: 4 minutos

Advogados que trabalham com contencioso de massa precisam administrar um grande volume de processos, uma boa equipe de advogados e estagiários. Além disso, também é fundamental uma excelente equipe administrativa, que possa dar o apoio necessário.

O contencioso deve ter sintonia entre as pessoas, já que a falta de informações pode trazer resultados desastrosos. Em razão disso, advogados que trabalham com contencioso precisam ter características básicas, como dedicação, organização, agilidade de raciocínio, muita segurança e conhecimento processual e no material das causas atribuídas ao processo.

Vamos analisar algumas recomendações essenciais para determinar bons resultados para advogados que trabalham com contencioso de massa.

1. Formar uma boa equipe de trabalho

O número de profissionais envolvidos vai depender do volume de processos. Nesse caso, é importante não sobrecarregar cada integrante da equipe, uma vez que o cansaço poderá prejudicar o andamento do processo, com petições mal redigidas ou mesmo perda de prazos.

Cada membro da equipe deve ser escolhido criteriosamente, havendo a exigência de um perfil pró-ativo, já que haverá muita demanda de trabalho. Além disso, também é importante determinar os honorários que serão pagos, lembrando que os custos do processo devem conter outros valores, como os materiais necessários, computadores, energia elétrica e, evidentemente, o estímulo do cafezinho, entre outros.

2. Dividir as tarefas

Uma das características do contencioso de massa é que as peças processuais são muitas vezes repetitivas, já que as teses a serem defendidas são estanques, não podendo ser modificadas. Portanto, é preciso que as defesas sejam bem redigidas, não apresentando o mesmo teor, considerando que cada caso é um caso diferente. Um detalhe qualquer pode ser determinante para a procedência do feito.

Na fase de envolvimento com o contencioso, cada profissional pode ser uma tarefa específica, como, por exemplo, apenas elaborar as defesas, ou apenas as apelações, enquanto que outros podem estudar a jurisprudência. Contudo, é preciso também pensar na rotatividade, para que todos possam se envolver mais e não se cansar com a mesma tarefa.

3. Acompanhamento processual

A informatização dos tribunais tem facilitado a vida dos advogados, através da ferramenta de programas de acompanhamento, substituindo as fichas de acompanhamento antigas. No entanto, é preciso ter em conta que os tribunais ainda não estão totalmente informatizados e o acompanhamento via internet não deve ser o único meio.

O acompanhamento processual no Fórum ainda é uma atividade que não pode ser dispensada, mesmo que a equipe tenha um grande volume de processos. Nesse caso, é importante manter a equipe organizada para evitar análise desnecessária de processos.

4. Manter em dia o controle de prazos

O controle dos prazos é uma das tarefas mais importantes no contencioso de massa. É uma tarefa que pode ser feita por um estagiário, mas que deve ser do conhecimento da equipe, na busca de não perder qualquer dos prazos determinados.

A alimentação dos dados no controle de prazos deve ser feita de forma constante para que tudo esteja atualizado. Logo, deve treinar um profissional que seja bastante competente, que tenha atenção com relação aos lançamentos ou que possa desenvolver um sistema que atenda às necessidades processuais.

5. Organizar a pauta de audiências

Da mesma maneira como no controle de prazos, a organização da pauta de audiências também não é uma tarefa das mais fáceis. Isso porque pode haver pauta diária de audiências, sem contar que, em determinados casos, as defesas devem ser feitas para apresentação no mesmo ato.

Se for necessário, a equipe poderá contratar advogados correspondentes, que possam atender a audiências em comarcas diversas, dando prosseguimento normal aos processos.

Na escolha de advogados correspondentes, o responsável pelo contencioso de massa deve ser bastante criterioso, já que esses profissionais estarão representando o escritório.

6. Relacionamento entre os profissionais

Um cuidado a ser mantido é com relação aos integrantes da equipe, procurando manter o foco no trabalho e não na competitividade entre os profissionais.

O relacionamento entre os profissionais deve ser o mais harmonioso possível, cada um com a consciência da importância de seu trabalho, com reuniões constantes para que todos estejam na mesma direção.

7. Relacionamento com o cliente

Da mesma forma que existe a preocupação com os membros da equipe, também deve haver a preocupação com o cliente, que deve sentir-se seguro o bastante com a equipe montada e com a condução do processo. As informações passadas ao cliente devem ser precisas, mostrando a atuação da equipe e conquistando a confiança do cliente.

Um dos pontos importantes no contencioso de massa é estabelecer uma atuação preventiva, traçada em conjunto com o cliente, montando estratégias que possam reduzir o número de demandas.

1 Comentário

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *