Como o marketing social pode trazer novos clientes para o escritório?

O marketing vem passando por uma série de mudanças, criando novos meios de atingir o público-alvo. Aos poucos, uma das estratégias que passou a dominar o setor foi o marketing de conteúdo que, em vez de convencer os consumidores, passou a conquistá-los por meio de informações úteis e relevantes.

O marketing social se tornou uma nova estratégia, desenvolvido como meio de mobilizar o público em prol de causas sociais, não apenas conquistando os clientes, mas também promovendo novas ideias, atitudes e comportamentos.

O que é o marketing social?

O marketing social é uma estratégia de divulgação que tem como principal objetivo oferecer soluções para problemas sociais, principalmente os de maior visibilidade, como educação, saúde, segurança e trabalho.

Embora sendo mais utilizado pelos órgãos públicos ou por empresas do terceiro setor, o marketing social também oferece bons resultados para outros tipos de atividades e segmentos e a advocacia pode ser beneficiada dessa nova estratégia.

Como se trata de um marketing que busca envolver a população em determinada causa, o marketing social faz com que o público-alvo seja envolvido na defesa de uma situação, trazendo, em consequência, atenção para quem está criando a promoção.

Atualmente, as pessoas apresentam maior interesse nas causas sociais, dessa forma, o marketing social também pode acabar promovendo a imagem do escritório de advocacia.

Depois do marketing centralizado no produto e na venda e do marketing centrado no consumidor, buscando sua satisfação e sua retenção, o marketing social é uma estratégia voltada para valores. Ou seja, além de promover o próprio escritório, ele permite oferecer meios de transformar e colaborar para melhorias para a sociedade.

Assim, ao mesmo tempo em que se busca oferecer ideias para um mundo mais saudável, fazendo com que as pessoas se engajem em torno de um objetivo, o escritório ainda mantém o foco no cliente e nos negócios corporativos.

O diferencial do marketing social

A principal diferença existente entre o marketing tradicional e o marketing social está no objetivo para o escritório que o promove.

O cliente não vai se deixar enganar por apenas um rótulo voltado para o social, portanto, mais do que passar a imagem do escritório como um estabelecimento engajado socialmente, a responsabilidade do escritório deve ser voltar para a busca de autenticidade em suas ações para conquistar a confiança dos clientes.

Essa condição é possível através da criação de uma imagem sólida do escritório, agregando valores e despertando emoções em seus clientes, isso só pode ser conseguido através de esforços reais para gerar transformações na sociedade.

Quando se pensa em negócios, a melhor vantagem do marketing social é conquistar clientes pela emoção e participação em uma causa. Aliás, essa é também uma maneira de fazer com que o escritório tenha divulgação gratuita pelos próprios engajados, com promoção do seu nome nas redes sociais.

A população, de uma forma geral, está valorizando a participação social das empresas, escolhendo aqueles que apresentam objetivos sociais e que estejam dispostas a investir numa causa em que acreditam. Com isso, a responsabilidade social se torna cada vez mais um diferencial competitivo, possibilitando manter a imagem no mercado e tornando o escritório mais reconhecido como entidade preocupada com a sociedade e não apenas com os lucros.

O marketing social pode ser conduzido em etapas, compartilhando valores que sejam aceitos pelos clientes, seguindo três passos básicos:

  • Identificando os valores do cliente e os alinhando com os do escritório;
  • Mapeando as causas sociais que permeiam os valores dos clientes;
  • Escolhendo uma ou mais causas e se dedicando a elas com objetivos definidos para curto, médio e longo prazo.

Com a aplicação do marketing social, defendendo causas importantes para o escritório e para os valores dos clientes, o escritório terá meios de manter um relacionamento muito mais duradouro com seus clientes, engajando não apenas simpatizantes das causas defendidas, mas possibilitando ampliar sua carteira de clientes.

By | 2017-11-17T17:23:46+00:00 17 de novembro de 2017|

Leave A Comment